Spa Estético‎ > ‎

Drenagem Linfática



Drenagem linfática é uma técnica de terapia corporal, que auxilia, otimiza e facilita a circulação da linfa e a expulsão desta, junto com micro-organismos e substâncias não necessárias ao corpo (toxinas), 
evitando a formação de nódulos, elimina líquidos (inchaço) e oxigena a pele em curto prazo. A drenagem linfática traz inúmeros benefícios a pacientes que portam diversas doenças relacionadas ao sistema cardiovascular, e ajuda na prevenção contra a celulite. 
A massagem pode ser feita de forma manual ou mecânica. 
A drenagem linfática manual é mais indicada em casos de pós-cirurgia plástica (para redução de edemas) e para pacientes com alteração hormonal. Propicia a observação de regiões com nódulos, edemas e trabalhe mais neste local.

Celulite
Qualquer que seja a causa dos furinhos devido a má alimentação, sedentarismo, cigarro, alterações hormonais, stress, etc. Eles começam com um processo de retenção de líquido que acarreta má oxigenação do tecido. Sem a devida nutrição, ele endurece até formar os nódulos. 
A drenagem quebra esse ciclo eliminando a retenção de líquido.

Gordura
A drenagem diminui a retenção de líquido em áreas do corpo que estão propensas ao acúmulo de gordura, como abdômen, coxas e culote, além de ativar o metabolismo, favorecendo a queima dos estoques de gordura no corpo.

Dores
A finalidade da drenagem é coletar os líquidos presos entre as células, colocá-los nos vasos capilares e, por meio de variados movimentos suaves, fazê-los caminhar para que sejam eliminados. 
A massagem neste caso é rítmica, sem muita pressão, já que a linfa corre na superfície da pele e seu fluxo é relativamente lento e precisa ser respeitado. 
Assim, não há a necessidade de manobras que provoquem dor ou desconforto, sendo inclusive relaxante e causando bem-estar.

Contra-indicação
Para mulheres com diagnóstico de tumores, abscessos e nódulos não-identificados a drenagem não é indicada.